Belo Horizonte, segunda-feira, 22 DE abril DE 2024
O melhor jornal de bairro de Belo Horizonte.

VOCÊ SABE QUEM FOI JOSÉ DO PATROCÍNIO CARNEIRO?


Publicado em 15/02/2024

A Rua José do Patrocínio Carneiro começa na Avenida Protásio de Oliveira Pena, corta as Ruas Laura Soares Carneiro e Francisco Fernandes dos Santos e termina na Rua Esmeraldo Botelho. Ela tem cerca de 300 metros e é uma rua um pouco íngreme. Mas quem foi José do Patrocínio Carneiro para ter o seu nome eternizado no Buritis?

Ele nasceu no dia 28 de junho de 1902 em Patrocínio do Muriaé, Minas Gerais. Seus pais, Januário Laurindo Carneiro e Etelvina Arreguy Carneiro, eram proprietários de indústrias de vinho e sabão. Passou toda a sua infância em Patrocínio junto com suas irmãs, Moreninha e Santinha, hoje já falecidas.

Casou-se com dona Laura Soares Carneiro e lá tiveram o primeiro filho, Januário. Nove anos depois se mudaram para Belo Horizonte, mais precisamente para o Bairro Serra onde nasceram os outros dois filhos: Esther e Emanuel.

Aqui na capital José do Patrocínio trabalhou na Casa Belas Artes e mais tarde na Caixa Econômica Federal. Dona Laura e "Seu" José, como era chamado, criaram os filhos no berço cristão, dando a eles ensinamentos definitivos quanto à existência de um ser superior, ao qual se deve submissão, e ensinava sempre que "o próximo é igual a nós mesmos".

José do Patrocínio era uma pessoa extremamente caridosa, otimista, alegre e comunicativo. Foi vicentino durante toda sua vida. Freqüentava o Convento dos Padres Dominicanos, na Serra, o que possibilitou adquirir vasta cultura religiosa. Como Vicentino, fez "voto de pobreza", portanto levava uma vida muito simples.

"Seu" José tinha uma paixão imensa por Belo Horizonte. Amava visitar o Parque Municipal, a Feira de Amostras e a cidade Osanan. De personalidade hospitaleira, reunia todos os domingos, amigos e familiares para um tradicional almoço mineiro. E como mineiro nato que era não abria mão de um bom "tutu com torresmo" e um "frango ao molho pardo". A sobremesa preferida era o manjar branco com calda de ameixa. Ele foi um exemplo de força e coragem e grande incentivador do filho Januário Carneiro para fundar a Rádio Itatiaia.

Participava sempre de eventos políticos e era considerado por todos uma pessoa muito solidária e humana. A história do Buritis ter uma rua em sua homenagem é porque quando o bairro estava sendo formado, seu filho Januário comprou dois apartamentos aqui.

O então vereador José Lino de Souza Barros, em 10 de novembro de 1987, pleiteou a inserção do nome de José do Patrocínio Carneiro como uma rua do bairro. Por votação unânime na Câmara Municipal, o projeto de lei número 4880 para homenagear José do Patrocínio Carneiro foi aprovado. Sua esposa, Laura Soares Carneiro, também tem uma rua que leva seu nome aqui no Buritis que foi aprovado no mesmo projeto de lei.

José do Patrocínio morreu no dia 16 de junho de 1957 aos 55 anos. A causa ''mortis'' foi câncer de pulmão. Se você não sabia agora sabe quem foi José do Patrocínio Carneiro.

O melhor jornal de bairro de Belo Horizonte.

CONTATO

(31) 2127-2428 / (31) 99128-6880
Av. Prof. Mário Werneck, 1360, Lj 401 F, 4º andar, Shopping Paragem, Bairro Buritis - BH/MG
CEP30455-610 E-mail contato@jornaldoburitis.com.br

       
© 2018 Jornal do Buritis. Todos os direitos reservados.
desenvolvido por SITEFOX

(31) 99128-6880