Belo Horizonte, sexta-feira, 28 DE janeiro DE 2022
O melhor jornal de bairro de Belo Horizonte.

SE VAI LEVAR O PET PARA VIAJAR, NÃO ESQUEÇA DO ATESTADO DE SAÚDE


Publicado em 11/01/2022

             Janeiro é o mês tradicional para fazer uma viagem de férias e curtir o merecido descanso ao lado da família. Este ano a viagem se tornou ainda mais especial, uma vez que, para a maioria, este passeio teve de ser suspenso em 2021 em virtude da pandemia. 

             E se toda a família quer estar junta, os "filhinhos de quatro patas" não podem ficar de fora. Por isso é necessário que os tutores estejam cientes de todos os procedimentos que devem ser tomados para garantir a presença do pet na viagem. Um dos mais importantes, mas que muito dono ainda não sabe, é o atestado de saúde animal.

            O atestado de saúde animal é emitido por um médico veterinário com registro ativo, para os tutores que desejam viajar com o seu peludinho em território nacional, seja de avião, ônibus ou carro.

            O intuito desse atestado é garantir o bem estar do animal durante a viagem e, por questões sanitárias, mostrar que ele está livre de doenças, garantindo a segurança dos outros animais e passageiros. 

           "O atestado é exigido por lei por questões de saúde pública. Existem doenças que acometem os animais e também podem ser transmitidas para os humanos: as zoonoses", explica a médica veterinária Mariana Azevedo. 

           Ela orienta que o pet esteja devidamente imunizado com a vacina anti-rábica, com pelo menos 30 dias antes do embarque. A vacina de raiva tem a validade de 12 meses e deve ser feita anualmente. "É de grande importância também que os animais estejam livres de ectoparasitas (pulgas, carrapatos, sarnas entre outros). Para estes existem diversas alternativas de prevenção, comprimidos, coleiras repelentes, repelentes para a pele, sprays repelentes. O mercado é grande e com bastante variedades para conseguir atender diferentes perfis de tutores e dos animaizinhos".

Fiscalização

            Mesmo viajando de carro, a Polícia Rodoviária tem autonomia para parar e fiscalizar o veículo que transporta pets. Portanto, tenha sempre em mãos o cartão de vacina do pet, juntamente do atestado de saúde emitido pelo veterinário. 

            A veterinária ressalta ainda o cuidado que se deve ter com o transporte do animal. "Não se esqueça de deixá-lo em uma caixa de transporte confortável para seu tamanho ou utilizar o adaptador de cinto de segurança no banco traseiro. Transportar animais sem os devidos cuidados pode resultar em multa, ou até mesmo acidentes por estarem livres no carro. Então, não deixe uma coisinha simples estragar suas férias".

            Além de prestar serviços na Unique Pet, Mariana também faz esta consulta de forma presencial na casa do próprio tutor. O contato é o 9 9799-0561.

O melhor jornal de bairro de Belo Horizonte.

CONTATO

(31) 2127-2428 / (31) 99128-6880
Av. Prof. Mário Werneck, 1360, Lj 401 F, 4º andar, Shopping Paragem, Bairro Buritis - BH/MG
CEP30455-610 E-mail contato@jornaldoburitis.com.br

       
© 2018 Jornal do Buritis. Todos os direitos reservados.
desenvolvido por SITEFOX

(31) 99128-6880