Belo Horizonte, quarta-feira, 8 DE abril DE 2020
O melhor jornal de bairro de Belo Horizonte.

ESTUDANTES SE ENCANTAM NA CHEGADA AO BURITIS


           A presença de dois importantes centros universitários faz com que o Buritis seja muito requisitado para a moradia de estudantes, sejam vindos de outros bairros da capital ou até mesmo de outras cidade de Minas e do país.  Mas qual será a primeira impressão que estes jovens têm do bairro? Será que nosso movimentado cotidiano faz com que sejamos menos acolhedores? O JORNAL DO BURITIS conversou com alguns universitários que se mudaram para o bairro recentemente e ouviu deles quais as suas primeiras impressões ao morar aqui. 

            Nos últimos anos o Buritis se tornou um dos lugares mais requisitados de BH pelos recém-casados. Quem está começando uma nova vida enxerga no bairro o lugar ideal para formar um lar, uma vez que aqui encontram tudo o que procuram, desde um comércio forte à presença de ótimas instituições educacionais. Mas, para um estudante que vem de outra cidade, pequena, o corre-corre do Buritis pode parecer assustador.

            Thomas Oliveira é natural da cidade de Itamarandiba. Mudou-se para o Buritis no início deste ano para ficar próximo à faculdade. Está cursando Direito no UniBH. De acordo com Thomas, a mudança em sua vida foi total. Como ele mesmo diz, Itamarandiba é no "interior do interior" e, de repente, estava em um bairro que é do tamanho de uma cidade. E com um detalhe: com um perfil mais moderno. "Aqui tem de tudo. É impressionante. De bancos a Mcdonalds. Para falar a verdade, a única vez que saí daqui desde que cheguei foi para ir em um bloquinho de carnaval na Savassi. Se não fosse isso, acho que ainda não teria conhecido outro lugar de BH".

            No entanto, apesar de toda esta vida movimentada do Buritis, algo tem chamado a atenção do estudante. Morador na Rua Ernani Agrícola, Thomas não imaginava que iria se deparar com uma situação que lembra muito a sua cidade. O acolhimento dos moradores. "Assim que cheguei aqui vi que todo mundo vive na correria. Mas não tem um dia que saio no meu prédio, na pracinha da minha rua, e uma pessoa não me dá um caloroso bom dia, especialmente os mais idosos. A gente percebe que a comunidade é muito família e poder morar em um lugar assim é muito especial".

Novidade pra todos

            A grande mudança na vida dos estudantes vindos de outras cidades, principalmente do interior, é notória. Contudo, mesmo quem já tem uma vivência na capital mostra sentir uma grande diferença ao se mudar para o nosso bairro. Nathália Mourão morava no bairro Serra e este ano decidiu se mudar para o Buritis. Ela está cursando o sexto período do curso de Direito do UniBH. 

            De acordo com Nathália, logo nos primeiros dias por aqui já percebeu o quanto era diferente morar no Buritis. "O Serra é muito comercial. Você não via as pessoas. Aqui, apesar de ser um bairro que tem tudo, você vê as pessoas. Uma coisa que me impressionou é como os moradores gostam de fazer atividade física ao ar livre. Vi gente fazendo caminhada de sombrinha nesse período de chuva. É muito legal".

            Nem mesmo o tão falado trânsito carregado do Buritis é algo que incomoda a estudante, moradora na Rua Marco Aurélio de Miranda. "Sair e chegar ao bairro em horários de pico, de fato, é muito complicado, mas a verdade é que em toda a cidade o trânsito está ruim, e no Buritis tem a vantagem de raramente precisar sair daqui. Tudo o que preciso encontro aqui e para a faculdade vou a pé".

Aqui pra sempre

            Em cada depoimento, os estudantes falaram sobre o que mais lhe atraíam no Buritis. Os bares, o comércio, os espaços públicos, o grande movimento de pessoas. E tudo isso que o bairro proporciona faz com que eles sejam unânimes em dizer que, depois que se formarem, farão o possível para continuar morando aqui. "Eu quero ser delegado. Não sei para onde a vida vai me levar, mas se for para Belo Horizonte, não tenha dúvidas que irei continuar sendo um morador do Buritis", diz Thomas. "Meu sonho é mudar de país. Se ele não for realizado, o segundo será continuar morando no Buritis", afirma Nathália.

O melhor jornal de bairro de Belo Horizonte.

CONTATO

(31) 2127-2428 / (31) 99128-6880
Av. Prof. Mário Werneck, 1360, Lj 401 F, 4º andar, Shopping Paragem, Bairro Buritis - BH/MG
CEP30455-610 E-mail contato@jornaldoburitis.com.br

       
© 2018 Jornal do Buritis. Todos os direitos reservados.
desenvolvido por SITEFOX