› Home  › Notícias  › Notícia

Comércio de bairro é o preferido dos belo-horizontinos

         Uma boa notícia para o nosso comércio. Pesquisa realizada pela área de Estudos Econômicos da Fecomércio/MG, divulgada no último mês de abril, identificou que mais de 75% dos consumidores de Belo Horizonte preferem as lojas de bairro/vizinhança para fazerem suas compras. Os shoppings ficaram na segunda opção, com 57,4%, e os estabelecimentos do hipercentro em terceiro, com 54,4%. Ainda de acordo com o levantamento, praticidade e comodidade são os aspectos que melhor explicam este perfil de consumo. No Buritis, os moradores têm no comércio, não somente o conforto de estarem próximos de casa, mas também o privilégio de encontrarem os mais diversos produtos e marcas. Dizer "não saio daqui por nada" não poderia ter melhor emprego do que quando se refere ao comércio do nosso bairro!

            Maria José Guimarães é moradora na Avenida Mário Werneck há cerca de 15 anos. Simplesmente adora fazer compras no comércio do Buritis. Além de encontrar tudo o que procura e a excelentes preços, ainda considera este um momento de muito lazer. "A gente conhece todo mundo. Viram amigos. Comprimento a todos, ouço histórias, conto as minhas. Uma saidinha de 15 minutos para comprar uma coisinha vira um passeio de mais de uma hora", se diverte.

            Outro ponto importante destacado pela moradora, e que também deve ter influenciado na pesquisa, é a questão da segurança. Segundo Maria José, a sensação de segurança que tem ao frequentar o comércio perto de casa a motiva ainda mais a fazer suas compras no bairro. "Ando por aqui a qualquer hora e sem qualquer medo, bem diferente do Centro de BH, onde agarro a bolsa e escondo o celular o tempo todo. Uma sensação que não me permite realizar uma boa compra".

            Morador na Avenida Engenheiro Carlos Goulart, Varney Costa Fernandes também faz questão de privilegiar o comércio local. Ele não dispensa a comodidade de poder fazer suas compras sem precisar tirar o carro da garagem. "É tudo tão pertinho e só tem coisa boa. Sem contar as lojas que ficam abertas até mais tarde. Já perdi as contas de quantas vezes me salvaram por conta daquele presentinho de última hora".

            Varney espera que, assim como ele, os demais moradores do Buritis também prestigiem o comércio do bairro. "É preciso valorizar para não perder. Toda vez que vejo uma loja do Buritis fechando fico triste e lamento pelo bairro não ter dado todo o apoio que precisavam. O comércio do bairro só se manterá forte se a comodidade abraçar", ressalta.

Outros números

            Ainda de acordo com o levantamento feito pela área de Estudos Econômicos da Fecomércio/MG, o preço das mercadorias é o principal quesito para a definição do lugar de compra, tendo grande influência para 91,3% das pessoas. Qualidade do atendimento e variedade dos produtos, com 77,7% e 76,8%, respectivamente, são outros critérios adotados. A localização exerce grande motivação em 67,8% dos entrevistados.

 

 
 

Rua Cristiano Moreira Sales, 150, Sala 810, Bairro Estoril - Belo Horizonte - Minas Gerais. CEP: 30.494-360. Telefones: (31) 2127-2428 / (31) 99128-6880