› Home  › Notícias  › Notícia

Marco Aurélio de Miranda adere à Rede de Vizinhos Protegidos

Marco Aurélio de Miranda adere
à Rede de vizinhos protegidos

Moradores decidiram se unir, em parceria com a Polícia Militar, para aumentar a segurança; diversas ruas do Buritis já aderiram ao programa

Já faz algum tempo que o fator segurança sempre aparece como uma das principais preocupações daqueles que moram, sobretudo, nos grandes centros urbanos. Hoje em dia, as pessoas se fecham em seus apartamentos e casas e costumam nem saber quem é o vizinho de porta. Foi pensando em oferecer maior segurança e resgatar novamente a socialização entre moradores da própria rua que a Polícia Militar oferece a população a Rede de Vizinhos Protegidos.

Há dois meses, os moradores da Rua Marco Aurélio de Miranda, aqui no Buritis, se organizaram e deram início, juntamente com a Polícia Militar, à implantação da Rede de Vizinhos Protegidos. O primeiro passo foi o contato com a 126ª Companhia da Polícia, responsável pela região, em seguida houve a criação de uma Comissão, que é composta por cinco integrantes, que ficou com a responsabilidade de manter contato com os militares e repassar todas as informações para os demais moradores. Segundo o Administrador de Empresas Rodrigo Tavares, integrante da Comissão, “este contato inicial com a polícia só aconteceu por iniciativa de uma vizinha”.

Depois deste primeiro encontro, a Polícia Militar agendou uma reunião com os moradores, com o intuito de explicar passo a passo como fazer para que aquela rua começasse a fazer parte da Rede de Vizinhos Protegidos. Segundo o Sargento Davi Euzébio, responsável pelo acompanhamento e implantação da Rede naquele local, aproximadamente 40 pessoas compareceram nesta primeira palestra. “É muito importante que haja mobilização, se cada um fizer a sua parte, com certeza os níveis de criminalidade irão diminuir na cidade e também no nosso bairro”, enfatiza. “Desta maneira, teremos vários olhos vigilantes, qualquer movimento estranho é só entrar em contato conosco que faremos nosso trabalho”, completa.

O comerciante Álvaro Rojas, outro integrante da Comissão dos vizinhos da Rua Marco Aurélio de Miranda, explica que após a primeira reunião com a Polícia Militar foi criada a Rede de Desenvolvimento Local (Rede Marco), com o intuito de unir e mobilizar o maior número de moradores da rua. “Necessitamos da participação de todos, dos síndicos, que são parceiros importantes, e também dos trabalhadores dos prédios, como porteiros e empregadas, a inserção destes agentes é muito importante e fundamental para que possamos fazer parte da Rede de Vizinhos Protegidos”, diz.


ATITUDES


De acordo com o Sargento Davi, algumas atitudes devem ser tomadas por parte dos moradores para que a Rede de Vizinhos Protegidos seja implantada. Como é uma parceria entre moradores e Polícia Militar, alguns itens de segurança devem ser observados. Os prédios devem instalar cercas elétricas ou qualquer outro dispositivo de segurança e o interfone, por exemplo, deve ter a tela de proteção. “Edifícios que possuírem porteiros físicos deverão utilizar rádio comunicadores. Eles terão um canal direto com a Polícia, o que facilitará o trabalho dos policiais, que poderão atuar de forma mais ágil e segura”, explica.

São vários os benefícios que a Rede propicia, entre eles: aproximação dos vizinhos, moradores agindo preventivamente junto à Policia Militar, a PM levando de forma mais efetiva as dicas preventivas a todos, sempre que é registrada uma ocorrência os militares levam ao conhecimento da comunidade e diminuição considerável dos índices de criminalidade.

Segundo Álvaro Rojas, da Comissão da Rede Marco, as pessoas precisam resgatar o senso de coletividade ausente nos dias de hoje, desenvolvendo ações para aumentar a segurança de toda população. Cerca de  40 ruas do Buritis e Estoril estão em processo de instalação da Rede de Vizinhos Protegidos. Para mais informações entre em contato com a 126ª Companhia do 5º Batalhão da Policia Militar pelo telefone 3378-1332 ou pelo email 126cia-rede@pmmg.mg.gov.br.

 

 
 

Rua Cristiano Moreira Sales, 150, Sala 810, Bairro Estoril - Belo Horizonte - Minas Gerais. CEP: 30.494-360. Telefones: (31) 2127-2428 / (31) 99128-6880