› Home  › Notícias  › Notícia

Copa 2014: BH larga na frente

COPA 2014: BH LARGA NA FRENTE 


Capital investirá  mais de 1 bilhão em  obras viárias


O prefeito Marcio Lacerda e o ministro das Cidades, Márcio Fortes, assinaram no início deste mês o contrato de financiamento com a Caixa Econômica Federal para obras de melhoria da mobilidade urbana.  Ao todo, serão investidos R$ 1,023 bilhão em obras que incluem os Bus Rapid Transit (BRTs) das avenidas Antônio Carlos/Pedro I, Pedro II, Cristiano Machado e Área Central, obras das vias 210 e 710, intervenções no boulevard Arrudas, além da ampliação da Central de Controle de Tráfego da BHTrans.


“Belo Horizonte é a primeira cidade-sede do Mundial a assinar o PAC da Copa do Mundo de 2014. Essas são obras viárias importantes, de transporte de massa, que nos ajudarão a acolher bem os turistas durante a Copa de 2014. Além de todos os benefí­cios em curto prazo, o equipamento será também um legado permanente para a cidade”, disse o prefeito Marcio Lacerda.


As obras vão resultar na melhoria da mobilidade dos cidadãos, com impactos positivos na política tarifária, na redução dos tempos das viagens e na diminuição da poluição e na racionalização da frota. Além disso, todo o projeto será realizado com base nas normas de acessibilidade.


O BRT é um sistema de transporte de alta capacidade, operado por ônibus, que oferece um serviço com conforto e rapidez. A operação é semelhante à do metrô: vias exclusivas, estações de transferência ao longo do itinerário que permitem a cobrança externa da tarifa e embarque em nível (o usuário entra na estação, paga a passagem e embarca sem passar por degraus), o que torna a viagem mais rápida.
 
Confira abaixo as intervenções que Belo Horizonte receberá:

Bus Rapid Transit (BRT) - Avenida Antônio Carlos/Pedro I - Promove um acesso de alta capacidade ao Complexo Mineirão/Mineirinho e aumenta a segregação da pista exclusiva de transporte coletivo. O projeto atenderá cinco regiões da cidade e parte da demanda metropolitana de transporte coletivo. As obras reúnem a interseção das avenidas Antônio Carlos (foto abaixo) e Abraão Caram, o alargamento da avenida Pedro I e a interseção desta com a avenida Vilarinho.
 
BRT – Pedro II - Permitirá uma melhoria na qualidade do transporte coletivo da área, visando oferecer um acesso alternativo ao Mineirão pelo transporte público e a requalificação urbanística da via. O projeto prevê um corredor central exclusivo para ônibus, com faixas de ultrapassagem, sistemas de pagamento externo em estações e controle telemétrico da operação.
 
BRT – Área Central - Implantação de infraestrutura de sistema de transporte coletivo por ônibus através da requalificação de 7,6 km de vias preferenciais, dotando-as de estações com cobrança externa, embarque e desembarque em nível e sistemas de controle da operação e de informações ao usuário informatizado e em tempo real. Com as obras, se tona possível o intercâmbio de três corredores do BRT: Cristiano Machado, Antônio Carlos/Pedro I e Pedro II/Carlos Luz.
 
BRT - Cristiano Machado - Será implantado um sistema de transporte de alta capacidade, com adequação da atual pista exclusiva para a operação junto ao canteiro central (foto abaixo), utilizando uma faixa por sentido, com faixa adicional para ultrapassagem nas estações de transferência, dimensionadas adequadamente à demanda, com circulação e acessos seguros para os pedestres. O corredor será dotado de sistema de câmeras, que possibilitam o monitoramento dos trechos de circulação e embarque/desembarque. Faz parte do projeto a reforma da Estação São Gabriel. Com as intervenções, o acesso para diversos bairros da região Norte será facilitado. Ainda será um corredor secundário de acesso ao Mineirão a partir da região Leste.
 
Via 210 (Ligação Via do Minério / Tereza Cristina) A via será uma ligação entre as regiões Oeste e Barreiro, conectando duas vias de grande capacidade. O eixo principal da Via 210 possui 1.640 metros de extensão e 36 metros de largura, incluindo uma ciclovia bidirecional.
 
Via 710 (Andradas / Cristiano Machado) A via começa na avenida dos Andradas, principal corredor da região Leste, e termina na Cristiano Machado, principal corredor da região Nordeste. A extensão total será de 3.780 metros. O trecho será um dos primeiros corredores viários de alta capacidade ligando dois pontos do município sem passagem pelo centro. A via será também um acesso alternativo à Cidade Administrativa do Estado.
 
Boulevard Arrudas - A obra, no trecho entre a rua Carijós e a avenida Barbacena, terá extensão de 1.100 metros e deve ser concluída no segundo semestre de 2011. O projeto inclui recuperação estrutural da laje de fundo, recobrimento da canalização, canteiro central elevado, demolição e reconstrução dos passeios, novas pistas de rolamento, recuperação e ampliação da drenagem pluvial, implantação de postes de iluminação pública e sinalização de trânsito, paisagismo e construção de ciclovia.
 
Centro de Controle Operacional - O CCO será ampliado e ganhará novas tec­nologias de monitoramento do trânsito, softwares e equipamentos. O CCO tem como objetivo aprimorar a gestão, o controle e a operação do trânsito e disponibilizar informações em tempo real para motoristas que circulam na capital. Os investimentos chegam a R$ 30 milhões, com recursos financiados pelo PAC da Mobilidade. O projeto deve ser concluído em 2012. Hoje, o CCO (foto abaixo) controla os semáforos, os painéis de mensagens e monitora o trânsito da área central através de 23 câmeras. Com a ampliação, serão 85 câmeras. Outros nove Painéis de Mensagens Variáveis serão instalados, chegando a 19. Cerca de 60 interseções semaforizadas nos seis principais corredores da cidade serão controladas através de um software de seleção automática de planos semafóricos.

 
 

Rua Cristiano Moreira Sales, 150, Sala 810, Bairro Estoril - Belo Horizonte - Minas Gerais. CEP: 30.494-360. Telefones: (31) 2127-2428 / (31) 99128-6880