› Home  › Notícias  › Notícia

BHTrans diz que construção de pista de Cooper é viável

BHTrans diz que construção

de pista de Cooper é viável

 

Com aval da BHTrans, projeto de pista de Cooper e caminhada

na rua  Senador Lima Guimarães deve começar em breve

 

No mês passado o JORNAL DO BURITIS mostrou em sua reportagem de capa que o bairro pode ganhar mais uma área de lazer e para a prática de exercícios físicos. A empresa Oficina do Tenista, interessada em desenvolver e bancar a obra, apenas estaria aguardando o aval da prefeitura e um projeto da BHTrans para criar a pista de Cooper e caminhada no quarteirão fechado na rua Senador Lima Guimarães.

 

Neste mês fomos atrás da BHTrans para saber a viabilidade da construção da área, se era possível desenvolver um projeto que pudesse conciliar o trânsito de veículos com a construção de uma pista para os moradores, que já fazem suas atividades físicas no local, tivessem ainda mais espaço e, principalmente, segurança, coisa que não acontece hoje por causa da circulação dos veículos pela rua, mesmo que em pequeno fluxo, dividindo espaço com os moradores.

 

De acordo com José Renato de Oliveira, analista de transporte e trânsito da BHTrans, que conversou com o JB juntamente com o gerente da Oficina do Tenista, Alexandre Alves Moreira, podem ser feitas mudanças que conciliam a passagem de veículos com a pista para os moradores. “Pela rua ser sem saída, pela baixa quantidade de residências e por não ter nenhum comércio nesta parte em questão, às vezes nem precisava ter estacionamento. Os veículos que passam pelo local são de pessoas que param o carro para ir a outros locais. Poderia talvez deixar apenas o trânsito local, para quem mora aqui, sem a necessidade de estacionamento”, opina.

 

Outra opção, que inclusive foi sugerida pelos empresários interessados na construção da pista de Cooper e caminhada, é deixar apenas um lado para estacionamento e o outro para passagem de veículos. “Daria ainda para construir uma bela pista para a prática de exercícios ao lado do canteiro central. Muitas vezes, ao se falar de trânsito, as pessoas pensam mais nos veículos. Mas neste caso, pela situação desta via, a prioridade são os pedestres”, destaca o analista de trânsito.

 

Porém, pela BHTrans ter dezenas de outras solicitações de obras na frente desta, inclusive aqui mesmo no Buritis, o projeto também deverá ser feito por uma empresa privada, com gastos sendo cobertos pela Oficina do Tenista, o que não é empecilho, segundo o gerente Alexandre. “O que a gente quer é que a BHTrans nos aponte os caminhos. Se é para nós mesmos contratarmos uma empresa para elaborar este projeto, faremos isso. Nos faltava uma informação precisa para continuarmos com o projeto. Feito isso, agora vamos atrás de uma empresa para elaborar o projeto e podermos ter a autorização para iniciar as obras o mais rápido possível”, diz.

 

Após o projeto concluído, a BHTrans faz as mudanças necessárias para adequar o que será ou não permitido e depois é encaminhado para a prefeitura, que vai aprovar a construção do novo espaço de lazer no bairro. “É uma obra viável e se há o interesse privado para bancar a construção, não há porque não acontecer. Acredito que esta obra possa sim sair do papel em breve e se tornar o espaço desejado para a prática de exercícios dos moradores”, finaliza José Renato.

 

 
 

Rua Cristiano Moreira Sales, 150, Sala 810, Bairro Estoril - Belo Horizonte - Minas Gerais. CEP: 30.494-360. Telefones: (31) 2127-2428 / (31) 99128-6880