› Home  › Notícias  › Notícia

EDITORIAL - EDIÇÃO MAIO 2010

PLANEJAR PARA INVESTIR

 

No Buritis testemunhamos uma situação que acontece de norte a sul do país: a morte precoce de empresas. Aqui acontece com mais regularidade, tendo em vista a expansão comercial que atingiu o bairro principalmente nos últimos dez anos. Mas qual a razão desse abre e fecha frenético que muda a face do nosso comércio a cada dia? Afinal, o bairro tem todos os ingredientes para ser o palco de empreendimentos de absoluto sucesso. Um deles, talvez o principal, um público consumidor com o poder aquisitivo cada vez mais alto.

 

Como você vai poder conferir na reportagem principal desta edição, são várias as razões para que muitos investimentos privados no bairro se transformem em verdadeiros fracassos, causando, além de prejuízos, muita frustração. A principal delas, na maioria dos casos, é a total falta de planejamento do empreendedor. O candidato a empresário tem o capital, uma idéia fixa na cabeça e quer realizar logo o sonho de ter o próprio negócio. Mas, como dizia Garrincha, falta combinar com o adversário, ou seja, com o outro lado, o consumidor.

 

Muitas lojas são implantadas sem o menor tipo de planejamento, nem sequer uma breve pesquisa de mercado para verificar minimamente a viabilidade do negócio, se há um público realmente interessado em comprar aquele determinado produto. Este é um erro fatal e determinante na longevidade do negócio, que muitas vezes não chega a completar nem o primeiro aniversário.

 

Há outros fatores que também implicam em morte precoce de empresas. Falta de experiência de gestão e conhecimento do próprio negócio. Erro na escolha do ponto. Mau atendimento ao consumidor. Em síntese, mesmo que o empreendimento tenha sido devidamente planejado, o empresário iniciante precisa estar atento a diversos outros aspectos para sobreviva e cresça no mercado.

 

O Buritis tem uma característica interessante. Boa parte dos proprietários de estabelecimentos de pequeno e médio porte mora no próprio bairro. Isso é um fator positivo, pois cria um vínculo ainda mais próximo com os consumidores. É importante que estes empresários que já estão estabelecidos passem um pouco da sua experiência para aqueles que desejam entrar na iniciativa privada.

 

Para quem tem esta intenção, é importante também consultar os órgãos de apoio às empresas. Na reportagem mostramos como o SEBRAE pode ser um parceiro e tanto não somente na abertura do negócio, mas no dia a dia do empreendimento. Citamos o SEBRAE, mas também existem outras instituições parceiras do empreendedor. A Câmara de Dirigentes Lojistas é uma delas.

 

Nosso desejo, como veículo de comunicação voltado para contribuir para um bairro cada vez melhor, é colaborar para que o nosso comércio seja cada vez mais forte. É triste ver empresas fechando portas, provocando prejuízos e demissões. Afinal, um comércio variado e de qualidade é uma das principais características do Buritis.

 

 
 

Rua Cristiano Moreira Sales, 150, Sala 810, Bairro Estoril - Belo Horizonte - Minas Gerais. CEP: 30.494-360. Telefones: (31) 2127-2428 / (31) 99128-6880